quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Coluna Manuel Maria Barbosa du Bocage: BALADA DOS SUINGUEIROS

            Nessa casa, não há horário
            Ninguém é celibatário
            Na penumbra, não há nome
            Ninguém tem sobrenome
            Não há passado ou presente
            O futuro está ausente
            E, em um instante de euforia
            Por trinta centímetros de alegria
            Ela largou quinze centímetros
            Da mais pura paixão
            Com antecedência, avisando:
            “Sexo é com o outro
            Amor é só contigo
            Sexo é com a outra
            Gozar, é só comigo”
           
            Nessa noite, tudo é aderente
            Toda mão é bem quente
            No buchicho, sobra palavrão
            Toda boca tem um jargão
            Há uma obscenidade à beça
            Que orbita em cada cabeça
            E, na crença do ardor
            Ele abre mão do seu amor
            Por quatrocentos mililitros
            Da mais vera devassidão
            Com antecedência, alertando:
            “Amor, some daqui
            Porque, aqui, é certo
            Me deleito com aquela
            Que estiver por perto”



Você tem medo das suas fantasias sexuais?

Leia O Amante Secreto e se orgulhe delas.



http://www.clubedeautores.com.br/book/32884--O_Amante_Secreto#.VypTP5TmrIU
CLK AK




NOTÍCIAS...

No sábado, dia 21 de outubro de 2017, às 01:00pm, ocorrerá a Palestra sobre Culinária Japonesa - cujo tema é Sushi ; e será ministrad...

JORNAL "O MOCHILEIRO" - receba os artigos do blog mais sacana da paróquia em seu e-mail.

INVISTA NO NOSSO BLOG, ADQUIRINDO OS PRODUTOS AQUI ANUNCIADOS.